Cervicalgia pode atingir até 50% da população

Segundo um levantamento da Sociedade Brasileira para o Estudo da Dor (SBED), a cervicalgia é um problema comum em todo o mundo e pode afetar de 30% a 50% da população sendo que 15% enfrenta a cervicalgia crônica (dor por três meses ou mais) em algum momento da vida.

O principal fator de risco para dores no pescoço é a má postura. Pessoas que trabalham sentadas, em rotina de escritório, com ergonomia inadequada podem sentir dor e desconforto cervical. 

O aumento do tempo em que estamos expostos aos smartphones também desencadeia uma consequência conhecida como Text Neck Syndrome ou Síndrome do Pescoço Digital.

O desgaste e as dores ocorrem em razão da sobrecarga gerada na musculatura cervical causada pela intensidade da flexão do pescoço e o tempo nesta mesma posição. Em casos mais graves, a tensão da musculatura, associada a degeneração natural dos discos, pode causar uma hérnia de disco cervical.

Em Curitiba, atendo no Hospital Marcelino Champagnat e também na Orthofit. Agende sua consulta:

➡ Hospital Marcelino Champagnat – Curitiba/PR – (consulte os convênios) – (41) 3207-3225

➡ Atendimento particular – Orthofit – (agende pelo WhatsApp) – (41) 99622-9440

Saiba mais sobre a saúde de sua coluna em www.coluna.net

Categories : Coluna

Dr. Antônio Krieger é médico ortopedista e especialista em cirurgia minimamente invasiva da coluna. CRM-PR 22712 / RQE 15991

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *