Diferença entre cervicalgia, dorsalgia e lombalgia

A coluna é formada por 33 vértebras, sendo 7 vértebras cervicais, 12 torácicas, 5 vértebras lombares, sacro (formado por 5 vértebras fusionadas) e cóccix (formado por 4 vértebras fusionadas).

Cervicalgia é a manifestação de dores na região do pescoço. A defesa do corpo, geralmente, é a rigidez dos movimentos que pode atingir também a região do ombro e nos casos mais graves ou prolongados irradiar para os membros superiores. Entre as causas da cervicalgia estão a estenose cervical, que comprime áreas onde estão estruturas nervosas, causando dores, formigamento e fraqueza; e hérnia de disco.

Dorsalgia é a dor nas costas na região do tórax. A causa pode ter origem traumática causada por distensões musculares, esforço físico exagerado e quedas; origem degenerativa causada pelo desgaste das vértebras e dos discos intervertebrais e hérnias de disco.

Lombalgia tem diversos fatores que causam a dor na região, entre elas a má postura, hérnia de disco, artrose ou escorregamento de vértebra. A dor pode irradiar para os membros inferiores quando ocorre a compressão de nervos da medula espinhal.

NÃO CONVIVA COM A DOR

Existem diversos tratamentos para cada situação. O primeiro passo é procurar um médico ortopedista especialista em coluna para identificar a causa da dor. Cerca de 85% dos pacientes são tratados sem cirurgia!
_
Dr. Antônio Krieger – CRM-PR 22712 / RQE 15991

Categories : Coluna

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *